deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 29.01.11 às 01:12link do post | | | favorito

Porque estar permanentemente a escrever sobre assuntos mais ou menos sérios (dependendo da expectativa de cada um), não é vida (!), achei que um pouco de descontracção, não faria mal a ninguém...

 

Religiosos, crentes e afins, deliciai-vos com estas lindas imagens de conotação erótica a roçar o pornográfico...  Não tenhais medo de sucumbir às tentações da carne, porque na verdade se deus (o vosso senhor) criou a mulher, foi com certeza para deleite de todos nós, homens...


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 06.10.10 às 00:23link do post | | | favorito

       Quem sou eu para desmentir um Santo... Só há uma coisa que não entendo: os santos também têem erecções e mesmo assim, ainda continuam santos? Mais um dos muito enigmas da religião!

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 06.10.10 às 00:06link do post | | | favorito

Descubram as diferenças...

 

 

 

Mais nada!
sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 26.09.10 às 13:48link do post | | | favorito

       Este é o único milagre em que acredito! ZézéCamarinha, é a prova que milagres ainda acontecem (diz ele!)!

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 18.09.10 às 01:08link do post | | | favorito

       Hoje, talvez por ser sexta-feira e o povo esteja mais propenso a javardice, tive um encontro como direi… do terceiro, ou até mesmo quarto grau (ainda estou por definir o nível deste caso!)! Não vou descrever aqui toda a história rocambolesca, até porque a mesma é um pouco trash.

 

Digamos que um sujeito (aparentemente muito macho), que conheço há algum tempo, convidou-me para um momento de “bricolage” na casa de banho da biblioteca em que ele trabalha e eu frequento… No inicio pensava que estaria a brincar, mas logo percebi que o que ele queria era isso mesmo, “divertir-se”… Tive a confirmação do grau de bichice do animal quando este me convidou a sodomiza-lo. Sei que a palavra parece um pouco forte e talvez alguns pensarão que é exagero da minha parte, mas quando um indivíduo tira as calças mesmo à nossa frente deixando as suas partes íntimas desnudadas e profere estas lindas palavras: “Anda se és homem. Tens medo, o cu não tem sexo”, aí vimos que o bicho (bicha), não está para brincadeiras. Na minha grande sapiência ainda soltei esta pérola: “Vai mas é apanhar no cu”. Logo pensei: acho que não devia ter dito isto … Para mostrar ao borboleta o meu grau de masculinidade, num tom firme e energético exprimi mais este lindo momento: “Vai mama-la”… Estão a ver onde me meti!? Enterrei-me todo (salvo seja)! Não tenho sorte nenhuma. Com tanta moçoila gira na biblioteca, tinha logo que ser esta avestruz a fazer-se a mim. O caso não fica por aqui.

 

Perplexo com toda esta situação, contei o sucedido a minha mulher… Erro meu. Já a tinha visto preocupada com a vizinha de cima, com a menina do café, onde por vezes tomamos o pequeno-almoço (por sinal bastante engraçadinha!), ou com uma ou outra mulher, mas nada de muito grave. Coisas típicas de gaja! Agora nunca pensei que ela me chagasse o cérebro por causa de um gayzola. “Ainda estou por perceber porque o gajo tirou as calças”, dizia ela vezes sem conta. “Olha, pergunta-lhe. Dasse, se fosse a tua vizinha eras capaz de não me chateares tanto a broa”, repliquei. Foi mais de uma hora a ouvi-la! Ainda agora, enquanto fazia uma pausa na escrita deste texto, levantei-me para ir a casa de banho e ouvi esta bela frase saída da boca da minha querida esposa: “Uuuiiiii que Gayzoooola que eu sou”…

 

Decididamente eu não tenho sorte nenhuma! Deus castiga e é bem verdade! É o que dá ter deixado de acreditar nele. Tudo isto serviu para perceber uma verdade: caso haja uma traição por parte do homem, a mulher prefere que a mesma tivesse acontecido com alguém do sexo feminino, pois o contrario afectaria-lhe ainda mais o ego.

 

Para provar à minha gaja a minha boa intenção enquanto verdadeiro macho latino, e para que não haja lugar a pensamentos negativos sobre a minha pessoa, dedico-lhe este lindo vídeo com o agradável tema: satisfação! Resumindo e concluindo, cuidado com a paneleiragem, eles andam à solta…

 

PS. Atenção, nada tenho contra homossexuais. Não me agrada é o comportamento de alguns, que querem à força afirmarem-se como mulheres, adoptando assim aqueles tiques efeminados, fazendo deles nem uma coisa nem outra. Depois vem a raça que eu encontrei, que não são gays, mas uns simples paneleiros (porcos) que são capazes de tudo para serem desmontados.

 


deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 27.08.10 às 20:13link do post | | | favorito

E agora? Estou a pensar seriamente nisto...

 

Não quero ter qualquer tipo de peso na consciência. Este fim-de-semana aqui o menino vai pecar (e muito), até porque faço um ano de casado e estas coisas já se sabem como é que são...

 

PS. Se não voltar a estas bandas, é porque a minha gaja leu isto e pronto... estoirou-me o focinho!

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 26.08.10 às 18:45link do post | | | favorito

Jogos especialmente concebidos para loiras!

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 17.07.10 às 00:46link do post | | | favorito

       Ultimamente não tenho estado com grande vontade para escrever, sobrando-me assim algum tempo para pensar realmente em assuntos interessantes e edificantes... isto é, sobre a mulher! Muitas vezes dou por mim a tentar perceber essa criatura complicada e que só serve para chatear a cabeça a um gajo! Em conversa com varias pessoas amigas, também elas possuidoras (!)  de uma gaja, tenho notado que o mal é geral... Todos se queixam da dificuldade que é perceber uma mulher. Quando conheci a minha, não fui avisado para os perigos que corria. Agora, na era da informação, já ninguém corre o risco de ser enganado. Só não sabe quem não quer... Muitos continuarão sendo enganados, apenas por terem medo da verdade e por estarem proibidos de raciocinarem... Esperando que a minha patroa não leia isto, deixo aqui os cuidados a ter com toda e qualquer mulher (e já agora, se forem crentes, rezem por mim! Acho pouco provável que resulte, mas tentem!)!

 

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 08.06.10 às 18:41link do post | | | favorito

       Dedico este pequeno vídeo a todos os trolhas viris do nosso Portugal. A todo aquele macho que do alto dos andaimes, gosta de mandar a sua boquita, bem ao "estilo trolha", fica aqui para vocês, este delicioso filme. Desfrutem...

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 11.05.10 às 00:10link do post | | | favorito

       Como é sabido, as mulheres tem de ser tratadas com um certo cuidado e carinho… Está cientificamente provado que para um homem (não posso dizer macho, porque parece que fere a susceptibilidade de algumas mentes mais débeis…), por vezes é difícil conseguir entreter uma mulher. É que parecendo que não, mas estas criaturas não podem ver um gajo a passar um pouco de tempo, divertindo-se, que expressam logo impropérios, fazendo com que nos sintamos uns inúteis! Temos nós, homens, culpa que a mulher tenha um conceito de diversão totalmente oposto do nosso? Para isso, foi lançada no mercado esta nova consola de jogos, especialmente direccionada para o público feminino.

Divirtam-se.

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 10.05.10 às 22:55link do post | | | favorito

       Só existem duas sogras boas no mundo: a sogra da minha mulher, e a sogra da mulher do meu filho.

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 29.04.10 às 12:11link do post | | | favorito

       Para quem pensa que só em Portugal é que existem cantores pimba, desengane-se, achei esta pérola (rara!) no You Tube. Além da letra (e da voz!)  fazer inveja a um qualquer Zé Cabra, o vídeo é feito com um grande profissionalismo, bem ao nível dos melhores! Deleitem-se...

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 15.04.10 às 11:53link do post | | | favorito

       Existem diversos momentos na vida de um homem que ficarão marcados para o resto de sua existência. Dentro desses momentos há a primeira revista pornografica vista. Lembro-me bem daquela mulher com as pernas abertas e o seu sorriso vertical desdentado. O facto é que a revista era Hardcore e não simplesmente porno. Ainda inocente, não sabia muito bem o que era aquilo, sinceramente achei que a mulher estava com alguma doença ou alguém tinha-a realmente machucado, afinal havia um grande corte entre as suas pernas.

 

O vídeo abaixo mostra a reacção de um personagem da série "Family Guy" vendo a sua primeira revista porno no quarto do irmão mais velho. A inocência do bebé é comparável com a minha naquela época. Presentemente, aquele "amolgado" é o que me faz acordar todos dias cedo, que me incentiva a ir trabalhar, resumindo, que me vai dando um pouco de sentido à minha rica vidinha!

 

 

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 17.03.10 às 14:24link do post | | | favorito

 

       Quem atribui a carta de condução a essas pessoas que chamam de... mulheres!? Não é por nada, mas isto de por uma pessoa do sexo feminino à frente de um volante, é mais que perigoso! Nem todas tem essa aptidão nata do homem, que é conduzir um veículo automóvel. Reconheço que algumas (uma ínfima minoria, das quais a minha gaja faz parte!) até mostram um certo jeito para a prática da condução, mas essas mesmas nunca andam para os meus lados… Quem é que ensina uma “croma” a parar subitamente, enfiar a marcha atrás e tentar estacionar o carro sem se preocupar se estou mesmo logo ali, colado ao pára-choques? Depois era ver a “senhora” sair do automóvel (muito calmamente) e perguntar:

Então? O senhor estava distraído? Não me viu a dar o pisca? Olhe por acaso não tenho nada?” O que é esta merda? Pensei eu.

Ó minha senhora, isto não é dar os piscas, e vir logo para trás. E os espelhos retrovisores, para que servem?”

Resposta da anormal: “Eu estaciono aqui todos os dias e é sempre assim que faço.Pensei logo: esta gaja é maluca!

Olhe mais vale chamar a policia e está feito.” Retorqui. “Não se importa de ligar que eu esqueci-me do telemóvel em casa?”

Só ali é que verifiquei até que ponto a fulana padecia de uma grave deficiência mental!

Diz ela: “eu não ligo. Só tenho 1 euro e trinta no meu telemóvel e não quero gastar o meu saldo”.

A primeira coisa que me ocorreu, foi estoirar-lhe com a cabeça… Só podia estar a gozar comigo. O que fazer? Era tarde, tinha de levar o meu filho ao infantário e queria ir trabalhar (não é que me apetecesse muito!).

Olhe, eu tiro-lhe a matricula e depois dou noticias. Agora se não se importa, tire o carro que eu quero ir embora”.

Não é que a mongolóide, não se arrumou… Bem aí o tom já não foi tão cordial. Tinha o meu filho dentro do carro aos berros, estava a pedir a deficiente para se arrumar e a gaja ainda estava a gozar? Depois de muita insistência e passado uns bons cinco minutos sem ela querer chamar o 112 (que é gratuito!), não me contive:

Ou arrumas essa merda, ou ligas para o 112, ou passo-te por cima. Escolhe?”

Remédio santo. Alguém tem de ser processado por dar a carta de condução a mulheres assim. Pior ainda: quem deixa conduzir uma gaja destas que ainda por cima é deficiente mental? Fica a pergunta, mas não estou a espera de resposta!

sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 14.01.10 às 13:08link do post | | | favorito


Em conversa com um amigo meu de longa data, levantei a seguinte questão:
- Porque é que "computador" em espanhol é feminino, ou seja, é "computadora"?
Ao que ele me respondeu categoricamente:
- É porque está comprovado que os computadores são realmente do sexo feminino, sem qualquer sombra de dúvida.

Aí, eu perguntei:
- Ok, dá-me um exemplo.
Ele não me deu um, mas sim vários... Eis aqui algumas razões que atestam (cientificamente) que os computadores na verdade são fêmeas (nunca se esquecam que este blogue tem uma função lúdica, apreciada por inumeras pessoas. Quase que poderei dizer que ele existe apenas e tão somente para prestar serviço publico!) Continuando...
1) Assim que se arranja um, aparece outro melhor na esquina mais próxima.
2) Ninguém, além do criador, é capaz de entender a sua lógica interna.
3) Mesmo os erros mais pequenos que você cometa são guardados na memória para futura referência.
4) A linguagem nativa usada na comunicação entre computadores é incompreensível para qualquer outra espécie.
5) A mensagem "bad command or file name" é tão informativa quanto,digamos, "se tu não sabes porque estou chateada, também não sou eu quem te vou explicar!"
6) Assim que você opta por um computador, qualquer que seja, rapidamente gastará todo o seu ordenado com acessórios para o mesmo.
7) O computador processa informações com muita rapidez, mas não pensa.
8) O computador do seu amigo, vizinho, ou do escritório é sempre melhor do que o que você tem em casa.
9) O computador não faz absolutamente nada sozinho, a não ser que você digite uma ordem de execução.
10) É sempre nas alturas mais importantes que o computador encrava.


Será que alguém ainda tem dúvidas que o computador é do sexo feminino?

tags:
sinto-me:

deixar comentário
publicado por Justiceiro, em 17.11.09 às 13:41link do post | | | favorito

      

        Ao contrário do que se possa pensar e do que se diz por aí, os diamantes não são os melhores amigos da mulher, mas sim do homem… O divertido em tudo isto, é como é que uma pequena pedra tão minúscula pode fazer tantos milagres! Deixa de haver dores de cabeça, má disposição, dores de costas e um sem fim de doenças inventadas na hora (e até que nunca se ouviu falar!) … Da minha parte não é preciso nada disto, porque um verdadeiro macho (!) atraí a fêmea apenas pelo odor! Reconheço que existe por aí ainda algumas mulheres que a simples inalação de uma fragrância masculina não é o suficiente, essas gostam que lhes falem ao coração, que demonstremos o nosso amor, desejam que se prove o que sentimos por elas. Resumidamente, gostam que lhe enchemos as vistinhas, ou como se diz na minha terra (e sem entrar em ordinarices): que lhe enchemos o olho… Mas se é bom para um lado, também devia de servir para o outro. Porque não há de ter o homem as mesmas desculpas cada vez que “chega a hora do coito”? Alguma vez se viu um homem (o verdadeiro) a negar uma queca (desculpem-me a expressão!)? Não pode. Macho que é macho, mesmo que tenha acabado de ser atropelado por um camião, nunca nega a sua companheira um momento inesquecível de amor. É verdade, digo amor e não sexo. O verdadeiro varão apenas pratica “o amor”. Mas a partir de hoje tudo muda (pelo menos para mim!) … Deixo de ser aquele amante sem segundas intenções, em que o único objectivo é a felicidade da companheira sem nunca pedir nada em troca. Isso acabou. Também eu tenho direito a ser feliz e viver a vida… O amor, esse acabou, pelo menos enquanto não for preenchido certos requisitos. Não peço diamantes, férias num sítio qualquer no fim mundo, não quero um carro ou algum objecto inacessível… Só exijo um relógio, um pequeno e simples relógio. A minha saúde e felicidade dependem dum insignificante relógio… Fica aqui a (grande) fotografia do pequenito relógio. Sei que é uma serie limitada mas isso não quer dizer nada (é marketing!). Não excluo a hipótese de existir aqui na blogosfera uma alma caridosa pronta a presentear-me com este mero relogiozito, até porque estamos a chegar a época Natalícia.

       Não se esqueçam: a minha felicidade depende desta mísera coisa…

Não aceito imitações.

(choro em frente a tanta beleza)

tags:
sinto-me:

mais sobre mim
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

31


pesquisar
 
PlanetaPortugues: O motor de busca de Portugal
nº de visitas da freguesia
encerramos ao Domingo
quantos fregueses andam por aqui agora
tradutor


.

Assista ao documentário

"O Mundo Perfeito de Jeová"

clicando em baixo